curtir

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Tem que ser especial........




A primeira-dama francesa, Carla Bruni, chegou ao Brasil nesta segunda-feira, 22, ao lado do presidente da França, Nicolas Sarkozy, para uma visita oficial de dois dias. Ele participa do 2º Encontro Empresarial Brasil-União Européia no Rio. Bruni terá agenda paralela e visitou no primeiro compromisso um banco de leite da cidade que ajuda crianças desnutridas.

A ex-top model e cantora chegou ao Palácio do Eliseu em dezembro de 2007 depois de três meses de namoro com Nicolas Sarkozy, 53 anos. Sóbria, educada e elegante, Carla ofuscou o marido. Continuou depois a firmar sua imagem no exterior, seja recebendo o Dalai Lama - contrariando os interesses da China -, seja trabalhando em prol de vítimas da Aids, a doença que em 2006 vitimou seu irmão, Virginio. No Brasil, onde vive Maurizio Remmert, seu pai biológico, deve anunciar ações altruístas nos morros cariocas.

Ela traz mais comemorações na mala: no dia 23.12, completa 41 anos nessas terras, onde mora o seu pai, casado com a empresária brasileira Marcia de Lucca. São 41 anos aparentemente muito bem vividos: o currículo de Bruni é diversificado e inclui, além de uma bem sucedida carreira de modelo, a de cantora (entre os três cds gravados, o primeiro, Quelqu’un M’a Dit, de 2003, foi sucesso de crítica e público).

Sua trajetória amorosa é igualmente memorável: ela namorou Mick Jagger, Eric Clapton e Donald Trump. Mas ficou mais do que famoso o seu envolvimento com o escritor Jean-Paul Enthoven, que terminou em escândalo - ela se envolveu com o filho dele, Raphael, que era casado. E tiveram um filho, Aurélien, em 2001.Bom deixemos os por menores... oque importa é que ela provou novamente que chic é ser simples e que o simples pra alguns É extramamente chic... pra mim uma pobre mortal um incone!!!
LINDA!!!!!!!!!!!!

domingo, 21 de dezembro de 2008

UM BRINDE AO VERÃO!!



<

BLESS VERÃO 2008/2009

bolsa_bless@hotmail.com